Safáris em Moçambique


gallery

Viagem e excursões em Moçambique


A viagem para Moçambique é uma experiência emocionante e gratificante com muitos hotéis deslumbrantes e remotos e alojamentos para você escolher. Durante o turbulento passado de Moçambique suas reservas e parque nacionais foram totalmente negligenciados e, na maioria dos casos, eram visitados somente por guerrilheiros armados à procura de alimentos. A vegetação cresceu novamente exuberante e abundante, os animais caçados com armas automáticas, tornaram-se esquivos e tímidos e os campos e resorts caíram em ruína. No caso do Parque Nacional da Gorongosa, em particular, os rebeldes da Renamo fizeram do parque uma base de operações de onde comandavam seus ataques.

A paz tornou à Moçambique e, com ela, a chance para os inúmeros parques e reservas voltarem à sua antiga glória. No extremo norte da enorme Reserva de Vida Selvagem do Niassa, maior até que o Parque Nacional Kruger está lentamente se tornando uma área de abundante vegetação africana repleta de diversos animais. Abrangendo mais de 40 mil km², essa é uma das maiores áreas de preservação do continente. O Parque Nacional da Gorongosa, a Reserva de Elefantes de Maputo e o Parque Nacional das Quirimbas são alguns dos outros parques que estão passando pelo mesmo processo de recuperação e desenvolvimento. Ao sul, há também a extensão do Parque Nacional Kruger, onde a cerca entre o lado sul-africano e o lado de Moçambique foi removida como parte do projeto de parques da paz.

O Parque Nacional da Gorongosa, na província de Sofala, fica no extremo sul do Grande Vale do Rift da África Oriental. O parque inclui o vale Urema e partes da região central nos arredores, e Gorongosa fica entre as cidades de Chimoio e Beira - ele também é a área de preservação da capitânia de Moçambique.

O Gorongosa fica a um curto voo fretado de Beira e também oferece fácil acesso via terrestre, além de ficar situado na saída da principal autoestrada nacional norte-sul, perto da junção Inchope. O Parque Nacional da Gorongosa é um dos mais interessantes destinos turísticos em Moçambique, no momento, com um projeto de restauração visionário em andamento para devolver ao parque à sua antiga glória.

O Parque Nacional da Gorongosa tem uma impressionante lista de espécies com mais e mais espécies que estão sendo reintroduzidas mensalmente. O parque abriga populações significativas de ouribes, reduncas, inhacosos, javalís e pelancas-negras. Os javalís são mais comuns do que as impalas. Os predadores estão se recuperando lentamente, com manadas de leões e machos de outras espécies no parque. Manadas de elefantes e touros são encontrados regularmente, com os touros particularmente descontraídos proporcionando uma excelente observação. Recentemente, alguns grandes elefantes machos foram remanejados do Parque Nacional Kruger.

A observação de aves em Gorongosa é incrível, com excelente qualidade e grande quantidade de aves especiais e endêmicas como o cichladusa arquata, coucal verde, o apaloderma narina e espécies de salpornis salvadori. O lago Urema abriga um grande número de aves aquáticas e você pode literalmente sentar-se por horas e assistir águias-pescadoras mergulhando para capturar suas presas.

Com o melhor da praia e da natureza ao seu alcance, Moçambique pode ser um dos mais bem guardados segredos de safári da África. Entre em contato com o seu consultor Rhino Africa para obter mais informações sobre um safári em Moçambique.
 

O que os nossos clientes dizem sobre nós

Telefone-nos

Horários: Aberto Fechado
08:30 - 17:00 (GMT+2)
Grátis:

0808 238 0044

888 2156 556

1 800 447164

1 800 947168

1 844 8517 090

800 900 341

800 101 3310

080 045 2877

800 018 4895

0800 182 3211

0800 562 964

0800 295 105

0800 919 394

0800 721 24

800 260 73

0800 848 229

1 844 2867 643

9009 476 83

0018 005 11710

0800 444 6880

018 0051 81937

0800 7618 612

800 827 648

Número local:

+27 21 469 2600